FGTS para comprar imóvel: como utilizar?

Diante de tantas alternativas de financiamento para adquirir a tão sonhada casa própria, você sabia que é possível utilizar o FGTS para comprar imóvel? Sim, esse que é um dos direitos dos trabalhadores, também pode ajudar você a dar o valor como entrada no imóvel ou para amortizar algumas parcelas. 

 

E é exatamente sobre esse assunto que vamos tratar hoje. Confira no conteúdo o que é o FGTS, quem tem direito de receber, quais as opções e exigências para uso na compra de um imóvel. 

 

Boa leitura! 

 

O que é o FGTS? 

 

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço é um dos direitos trabalhistas. Ele foi criado com o intuito de proteger os trabalhadores demitidos sem justa causa. Por esse motivo, ao ser contratado no regime de CLT, todo mês a empresa responsável deposita um valor que corresponde a 8% do salário bruto do colaborador, em uma conta na Caixa Econômica Federal

É importante ressaltar que a conta não precisa ser solicitada pelo trabalhador, ela é aberta automaticamente após a contratação. Ela não gera custos, e caso ocorra mudança de emprego, a conta permanece a mesma para depósito do valor mensal do FGTS. 

 

Quais profissionais têm direito ao FGTS? 

 

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço é destinado a todos os trabalhadores registrados no regime CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), trabalhadores intermitentes, rurais, temporários e empregos domésticos. O saldo do FGTS pode ser consultado através do site da Caixa Econômica Federal ou por aplicativo, disponível para ser baixado em Android e IOS. 

Outra alternativa também é verificar no caixa eletrônico, mas para isso é necessário contar com o Cartão Cidadão. Em qualquer uma dessas opções, é preciso inserir o número do PIS\PASEP para consulta. 

 

FGTS para comprar imóvel: como fazer? 

 

Assim como citamos no início deste conteúdo, é possível sim sacar o FGTS para comprar imóvel. O saldo pode ser utilizado para compra à vista da casa ou apartamento, no caso de ter o saldo total para compra, como também para dar de entrada ou realizar a amortização das parcelas, o que ajuda a diminuir os juros pagos durante o financiamento. 

No entanto, é preciso seguir algumas regras para fazer o uso do FGTS para comprar imóvel. São elas: 

 

  • O valor do imóvel não pode ultrapassar R$ 1.5 milhão (lembrando que o valor muda de acordo com o estado e cidade); 
  • O imóvel deve ser para moradia do titular do financiamento; 
  • A casa ou apartamento precisa ser considerado residencial urbano; 
  • Por fim, o imóvel não pode já ter sido financiado anteriormente com uso do FGTS por pelo menos 3 anos; 

 

FGTS para comprar imóvel: quais documentos necessários? 

 

  • Documento de identificação: Identidade, Carteira Nacional de Habilitação e CPF 
  • Extrato da conta vinculada ao seu FGTS 
  • Declaração do Imposto de Renda ou de sua isenção. No caso de união estável ou casamento, apresentar a declaração de ambos
  • Carteira de Trabalho de forma a comprovar o tempo de regime CLT 

 

Saque do FGTS pelo Governo Federal 

 

O Governo Federal disponibiliza três modalidades para a retirada do valor do Fundo. A primeira é o saque-aniversário, em que você pode fazer o saque conforme a data do seu aniversário e no prazo estipulado pelo governo. 

Ou pelo saque imediato, disponível para contas ativas e inativas. O valor também é definido pelo governo, e caso não seja retirado, o saldo volta para sua conta vinculada. Outra alternativa é quando for dispensado pela empresa, o valor acumulado pode ser retirado de forma total. 

 

Agora que você já sabe como utilizar o FGTS para comprar imóvel, que tal aproveitar e conhecer os imóveis disponíveis para venda na Barbarotti Imóveis. Entre em contato conosco e saiba mais informações.